Faltou ensinarem-nos na escola que também temos Sentidos Intuitivos.


Enquanto respirarmos, enquanto o nosso coração bater, enquanto as nossas células estiverem vivas, esta energia divina habita em nós, e é nosso direito aceder a ela.
Os 4 Sentidos Intuitivos segundo o ThetaHealing®

Todos aprendemos na escola sobre os 5 sentidos físicos - visão, tacto, paladar, olfacto e cheiro. Mas faltou ensinarem-nos que também temos Sentidos Intuitivos. O que chamamos de sexto sentido é considerado um sentido intuitivo, sabias? Aquele 'feeling' que sentes sobre determinado assunto ou pessoa.


Todos nós nascemos com sentidos intuitivos. No entanto, em algumas pessoas eles podem estar mais 'despertos’ que noutras, apesar de se poderem sempre vir a desenvolver mais tarde na vida. Por exemplo, uma mulher quando é mãe, desenvolve um sentido intuitivo com o seu filho, que é despertado assim que o bebé nasce - a capacidade de se conectar com o seu bebé, intuindo o que ele precisa, capaz de lhe ler até os pensamentos e antecipando os seus comportamentos e estados de espírito. Se és mãe deves entender ao que me estou a referir.


No ThetaHealing®, aprendemos sobre os 4 principais sentidos intuitivos, como desenvolvê-los e trabalhar com eles.


1 . EMPATIA

Este talvez seja o sentido intuitivo mais familiar e que tenho a certeza que tu pelo menos uma vez na vida já experimentaste:


✓Quando te encontras com alguém e sentes que, mesmo sem a pessoa te dizer nada, que ela não está bem emocionalmente (talvez preocupada, triste, stressada).

✓Quando estás num espaço com muita gente e de repente te sentes sem energia, cansada e às vezes até com um mau estar físico.


Pequenos sinais em como o teu sentido empático está aberto.

Este sentido está relacionado com chacra do PLEXO SOLAR. O termo em inglês aplica-se na perfeição aqui 'GUT FEELING'. Em português podemos talvez chamar de pressentimento, instinto?!


Os empáticos sabem coisas, sem lhes ser dito. Sentem as emoções dos outros, incluindo até sintomas físicos. Sentem compaixão pelos oprimidos, amor pela natureza e animais. São criativos. Gostam da liberdade, viajar e da ordem nas coisas. São excelentes ouvintes e adoram sonhar acordados. Intolerância à mentira (até porque sentem quando lhes estão a mentir) e ao narcisismo. Podem sentir muitas vezes fadiga (por estarem constantemente a receber a energia dos outros) e por isso sentem muitas vezes a necessidade de se isolarem e permanecer em silêncio.


Eu sou totalmente este sentido. Nem sempre tive consciência disso. Fui (me) descobrindo. Nem sempre chamei aos meus dons e capacidades de Sentido Empático. Alias porque só com o ThetaHealing® abri a minha mente e consciência para este conhecimento e entendimento. Mas quanto mais sintonizada me sinto, mais forte e claro este dom se torna.



2. CLARIVIDÊNCIA

Este sentido é a capacidade de ver, sentir ou perceber, eventos ou objectos, a grandes distâncias físicas ou temporais, e sem a utilização dos nossos 5 sentidos físicos. Quando ‘desperto’, este sentido utiliza a energia do chacra do TERCEIRO OLHO, localizado entre as sobrancelhas, também chamado de "segunda visão".


A esta hora estás a pensar, Ana, “isso parece-me muito bem, mas eu não entendo nada, e isso não é para mim, e eu não VEJO nada!”


ESPERA. Não te vás já embora! Vou-te mostrar, que em algum momento da tua vida já experienciaste uma situação em que estás a utilizar este sentido. Lembra-te que mencionei há pouco, que todos nós nascemos com estas capacidades.


Então, já alguma vez te viste numa situação em que de repente pensas numa pessoa, que já não vias há muito, e essa pessoa liga-te a seguir; ou encontram-se espontaneamente num local? No teu trabalho, ficaste de enviar um email a alguém, e já passaram alguns dias. De repente, lembraste que estás em falta para com essa pessoa e essa pessoa liga-te quase de imediato, a cobrar pela resposta. E tu até dizes: “estava mesmo a pensar em si e ia-lhe responder agora mesmo!” Comigo está constantemente a acontecer! 😊


Podes pensar que são tudo coincidências ou imaginação. Mas na realidade chama-se Telepatia, uma forma de te conectares com o outro através do pensamento. Telepatia usa o sentido da Clarividência.


‘Ver’ com este sentido, significa ‘ver com os olhos da mente’.


Quem tem este sentindo muito apurado, muitas vezes acaba por dedicar a sua vida às terapias. Outras capacidades que se desenvolvem:


☑ Intuir o que o outro vai dizer ou fazer

☑ ‘Ler’ a aura ou a energia subtil

☑ Visão de acontecimentos futuros

☑ Ver (sentir) o interior do corpo



3 . CLARIAUDIÊNCIA

É a capacidade de ouvirmos sons, palavras ou falas imperceptíveis pelos nossos sentidos normais da audição. Localizado acima dos nossos ouvidos, este sentido está ligado ao nosso sistema auditivo. É o sentido intuitivo que nos possibilita ouvir os nossos Anjos da Guarda e outras mensagens auditivas.


Já alguma vez escutaste mensagens em tom de advertência?

Um bom exemplo disso é quando estamos em alguma situação de perigo ou alerta e escutamos uma voz dentro da nossa mente que nos diz: "Para! Presta atenção!". ⚠️


Estas vozes nem sempre são ouvidas por meio dos nossos ouvidos físicos, mas ouvidos em FORMA-DE-PENSAMENTO. Pessoas com este dom activo conseguem falar com Anjos da Guarda, com o espírito de um animal ou até mesmo com o espírito de um ente-querido.


Na verdade, é dito que todas as pessoas nascem com esta habilidade, mas que rapidamente a perdemos ao entrar em contacto com a realidade mundana, enterrando esta capacidade debaixo de diversas camadas de crenças.



4. PROFECIA

É o sentido que mais usamos no ThetaHealing®, e que nos permite conectar com a energia do Criador, Universo, Divino (o que lhe quiseres chamar). Através de uma meditação criada por Vianna Stibal, fundadora da técnica, aprendemos a projectar a nossa consciência para além do chacra da coroa, aceder ao estado cerebral Theta, e manter-nos em contacto constante com esta energia subtil.


Com este sentido activo, desenvolvemos a habilidade de ‘sentir’ o mundo através do coração, prever ou revelar com precisão, utilizando esta conexão divina.


Sabes aquela sensação de saber algo, sem saberes muito bem como o sabes, mas a certeza está lá, dentro de ti, dentro do teu coração?


No outro dia estava a ouvir o podcast de Rita Ferro Alvim - N'A Caravana com Marta d'Orey, onde a Marta falou exactamente sobre este sentimento. Ela dizia algo como: “as melhores decisões que tomei na vida, não sei porque as tomei (…) tenho muito autoconsciência e sinto as coisas (…)”. É isso!


Quando chegas aqui, e quando consegues alinhar o teu coração à tua mente, as melhores decisões são sentidas e não pensadas. A certeza chega-te sem margem para dúvidas. As oportunidades são te oferecidas, as portas abrem-se à tua frente, e a vida parece que simplesmente flui! (mas isso é tema para outra publicação). 😊


Entretanto, se quiseres saber mais sobre o ThetaHealing® fica por aqui. Este espaço é dedicado a isso.

Deixa o teu comentário e/ou partilha com alguém que sintas que este tema lhe pode interessar!


Ahoo!

JustBlog

posts mais recentes

Instagram

@justbu.pt